Category Contos

Conto Erótico: O som do tesão

Conto Erótico: O som do tesão

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

O som do tesão

— por Doce Veneno

Aquele tesão repentino, que vem com força total nas horas mais inapropriadas. Estava no meio do expediente e não conseguia mais se concentrar em nada. Era aquela risada gostosa dele. Estava ouvindo aquelas músicas que ele havia cantado para ela um dia e lembrou da risada safada que ele dava quando queria atentar ela. Sentia sua buceta pulsando e não via a hora de sair dali e ir para casa atrás daquela voz que tanto mexia com ela.

Tentou ligar para ele, sem sucesso. Ele devia estar ocupado, naquela correria diária que era seu trabalho. Estava cada vez mais ansiosa. Nem esperou dar seu horário. Dez minutos antes já estava correndo para casa. Não via a hora de ouvi-lo e senti-lo.

Não houve tempo para cumprimentos ou perguntas de como havia sido o dia de ambos. Ele estava sentado no sofá zapeando a programação da TV quando ela entrou em casa. Mal teve tempo de pensar e ela já tirou o controle de sua mão, subiu em seu colo e o agarrou. Sentia sua boca na dele. O calor de seu corpo era tanto que ele podia sentir através de suas roupas. Seu tesão era mais do que evidente. Nunca havia visto ela assim. Rapidamente seu pau endureceu. Ela percebeu e rebolava em cima dele. Pressionava seu corpo sobre o dele. Queria senti-lo mais e mais.

Leia Mais
conto desejo matinal

Desejo matinal: Um conto a quatro mãos

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

O conto de hoje não é exatamente meu, ou melhor, a ideia e o começo dele são meus (e só por isso não entrou nos Contos do Leitor), mas quem o finalizou foi o lindo O Lobo. O conto tava empacado há 1 ano já, então nada mais justo que alguém terminasse ele pra mim, ainda mais uma pessoa que escreve bem e de um jeito que eu adoro. Espero que vocês gostem também.

Leia Mais
conto erótico

Conto Erótico: Cadelinha obediente

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

Estava guardando suas coisas, desligando o computador, deixando tudo organizado para ir embora. Exausta, não via a hora de chegar em casa e relaxar. Sentiu seu celular vibrar em seu bolso. Uma sms dele, mandando-a ir do trabalho direto para o escritório dele.

Leia Mais

Conto – Bons sonhos

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

— To destruído…
— Por que? O que aconteceu?
— Andei pra caralho hoje… mas ainda entraria no seu quarto e te perturbaria em sonhos…
— Se você entrasse no meu quarto, você ia só querer me perturbar em sonhos?

Leia Mais

Curta conto erótico

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

— Na hora que você me mandou a mensagem, eu estava enfiando o pé num buraco que eu não vi e tomando um baita tombo… Mas to inteiro, só ralei a canela.
— Pecado! Espero que não tenha caído por causa da mensagem. Beijinho pra sarar :-*
— Eu tô bem, relaxa.
— Relaxo… Agora olhe por onde anda.
— Difícil fazer isso quando penso nos seus lábios envolvendo meu cacete duro…
— Então pense na minha língua…

ploft tu tu tu…

Facebooktwittergoogle_plusrsstumblrinstagramFacebooktwittergoogle_plusrsstumblrinstagramby featherLeia Mais

Tesão à flor da pele

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

Mal entraram no quarto e ele já a prensou na parede. Colou seu corpo no dela e a beijou, pressionando seu pau, já duro, contra ela, fazendo-a gemer de tesão. Ela estava de saia, e as mãos dele rapidamente a levantaram. Suspirou quando percebeu que ela estava sem calcinha, e quando colocou um dedo em sua buceta,

Leia Mais

Vontades

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

Ser encoxada. Provocada. Atentada. Até pedir pra você me comer.

Me amarre, faça o que quiser, mas quero dar. Me coma bem gostoso, com força. Preciso sentir seu pau dentro de mim. Hoje dispenso em partes as preliminares, não quero ser chupada… ainda. Me provoque, me encoxe, me aperte, me morda, puxe meus cabelos, morda minha nuca. Use suas mãos, seus dedos em mim, enquanto chupa meus seios.

Leia Mais

Pegando o vizinho

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

Eu havia acabado de me mudar. Apartamento novo, vida nova, mas ainda estava uma bagunça e a geladeira vazia. Na falta de opção pensei em fazer um bolo. Separei os ingredientes necessários até que percebi que falt aria leite e açúcar. Pensei em pedir para algum vizinho, mas eu não conhecia ninguém ainda. De repente me veio na cabeça aquele vizinho simpático com quem eu encontrava todo dia no elevador e morava no apartamento da frente.

Além de simpático, muito lindo, com uma boca maravilhosa e uma cara de safado que era encantadora. Vesti uma roupa apresentável e um decote que valorizava minhas curvas. Não custava nada tentar chamar a atenção.

Leia Mais

O Começo

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

Me ajoelhei a sua frente, submissa, só conseguia pensar no quanto eu gostaria de te dar prazer e te satisfazer completamente. Aproximei meus lábios da sua pele, beijei sua virilha e você podia sentir o calor do meu hálito no seu pau, ainda coberto com sua cueca. Me segurou pelos cabelos, mostrando que naquele momento eu era sua e era você querm mandava. Me segurava com força e eu tentava passar a língua em seu pau, mesmo por cima do tecido.

Leia Mais

Hora Extra

Facebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailFacebooktwittergoogle_plusreddittumblrmailby feather

Me aproximei sem fazer barulho, queria fazer surpresa. Você estava distraído trabalhando, de costas para a porta. Cobri seus olhos com milhas mãos, me aproximei de seu ouvido, e sussurrando pedi que adivinhasse quem era.

Fui puxada pelas mãos assim que você se virou, ainda sentado na cadeira, e você me beijou. Beijo quente, carregado de desejo e volúpia, refletindo o efeito das nossas conversas durante o dia todo.

Leia Mais